7 de julho de 2016

ADVERTÊNCIA: SOMENTE às Noivas e Esposas


O Livro da Esposa
Pierre Dufoyer
Edição de 1948 - 199 págs


Prefácio

Este livro destina-se às noivas que estão em vésperas de casamento. As outras devem renunciar à sua leitura. Longe de lhes ser útil, ser-lhes-á prejudicial. Colhendo prematuramente um fruto, perdemos-lhe o sabor e o proveito.
Escrito para noivas que vão casar em breve, tem por fim indicar-lhes o modo de encetar e viver a vida conjugal de maneira a serem bem sucedidas, a encontrarem nela a felicidade que esperam, a darem ao seu marido a alegria e plenitude que busca, realizando assim completamente os fins providenciais assinalados por Deus ao matrimônio. Muitas raparigas, por ignorância da psicologia masculina, comprometeram, logo desde o inicio, o bom êxito da vida conjugal. O presente livro tem por fim auxiliá-las a fugir a esses erros e evitar escolhos.
Dirige-se também às recém-casadas. Talvez mesmo esposas mais idosas encontrem na sua leitura algum proveito. É que não basta ter iniciado a vida conjugal para termos garantido um êxito duradouro. O casamento tem belas primícias, a maior parte das vezes. Mas, dez anos, cinco anos mais tarde, quantos lares se tornaram insulsos, se degradaram e desfizeram interiormente, se é que não se desagregaram abertamente, pela separação ou pelo divórcio! A permanência do amor no lar põe um verdadeiro problema. Este livro pretende ajudar a resolvê-lo. Desejaria ensinar como se pode prosseguir felizmente a vida conjugal, às raparigas que bem a iniciaram. Às que tenham cometido qualquer erro, desejaria ensinar-lhes a corrigir a marcha e a retomar a boa direção do lar unido e feliz.
Vamos limitar-nos a estudar aqui os problemas conjugais do matrimônio, os que são postos pela intimidade dos esposos em ordem à plena e mútua realização humana e cristã. Não  esqueceremos também que o matrimônio tem um outro fim, além dessa realização: procriar e educar os filhos. A educação é duma importância extrema, tanto social como religiosa. Pô-lo-ão em evidencia diversas passagens deste livro. Deixaremos de parte, deliberadamente, o estudo aprofundado das questões suscitadas pela natalidade no lar e pela educação dos filhos. Outros volumes desta coleção se ocuparão desses capítulos.
Aqui falaremos com toda a franqueza dos problemas conjugais, muito particularmente dos que dizem respeito à intimidade  carnal dos esposos. Não poremos de parte ensinamento algum, necessário ou útil. A maneira de expor, todavia, será discreta, pois sabemos que a delicadeza da linguagem não deixa de ter influência na qualidade dos sentimentos. Uma linguagem brutal feriria. Uma linguagem pura, clara e leal, será bem acolhida.
Tornava-se necessário que uma pena cristã abordasse com clareza estes problemas. Negá-los, desconhecer-lhes os dados, calá-los, não é boa maneira de os resolver. Do silêncio, nascem não raro erros e inépcias, nocivos à felicidade dos lares e, por consequência, à sua moralidade. Dele resultam assim, quase fatalmente, a ignorância a ausência de formação
no domínio da intimidade conjugal.
Como chegarão os esposos, por exemplo, a espiritualizar o amor (à exeção duma elite reduzida), se nunca se lhes  mostraram os meios?
Vamos tratar estes problemas com toda a franqueza, porque os estudamos sob o olhar de Deus. Foi Ele que quis e criou a dualidade dos sexos, Ele que lhes estabeleceu as leis psicológicas, os processos, as alegrias e a eficiência criadora.
Falaremos, portanto, dessas realidades, obra do Criador, sem rigorismo nem puritanismo. Não adotaremos, contudo, a atitude simplista do naturalismo ou dos promotores modernos do amor livre. Todo aquele que está ao fato da vida e conhece a história sabe que o aceder sem resistência a todos os impulsos do instinto não tem como resultado o engrandecimento do homem mas a sua diminuição: faz dele um egoísta, de coração seco e duro. O instinto só é grande e nobre quando disciplinado. Esta constatação experimental mostra o bem fundado dos ensinamentos, somente compreendidos, da moral cristã.
Evitaremos com cuidado reduzir o casamento e seus problemas somente às questões sexuais. Numerosos livros, escritos muitas vezes com excelentes intenções, consideram a questão quase exclusivamente sob este ângulo ou pouco mais. A sua importância na vida íntima dos esposos é incontestável, mas outros elementos de ordem extra sexual e particularmente de ordem sentimental, tem um valor pelo menos igual e superior, sem dúvida, para assegurar a felicidade dos lares. Por isso, insistiremos um pouco sobre essoutros aspectos da vida conjugal.

Este volume, destinado apenas ao mundo feminino, é adaptado à sua psicologia. Considera as noivas e as esposas tais como elas são, com o seu temperamento fisiológico, concepções,  propensões, e mostra-lhes o que fazerem e como, para virem a ser bem sucedidas na vida familiar. Não se dirige nem aos noivos nem aos esposos. Como não foi escrito para eles, não lhes conviria. A eles destina-se um outro livro que tem em conta o que são, pensam e são levados a praticar. O casamento é encarado aqui com uma ótica feminina e os conselhos nele expressos, formulados em função da psicologia feminina. Dirigindo-se a homens, deveriam ter, sob certos aspectos, um sentimento absolutamente diferente. As esposas podem ter a certeza de que recordamos aos maridos os seus deveres, com tanta clareza como o fazemos a elas.
O presente livro supõe, portanto, que a noiva tenha feito uma judiciosa escolha do noivo. Não consideramos o problema desta escolha. Tendo já sido publicados não poucos volumes
sobre esta questão, pareceu-nos preferível tratar um assunto inteiramente novo, inexplorado até agora e onde os guias prudentes, tão úteis e necessários, faltavam completamente. Julgamos assim prestar um serviço mais proveitoso.

~ * ~
ÍNDICE
Prefácio
PRIMEIRA PARTE
VISTAS DE SÍNTESE
As riquezas do amor
Para que cante no lar o amor perfeito
O casamento perfeito
O fim conjugal do casamento
A psicologia dos homens
O sentido do dom carnal
SEGUNDA PARTE
PÁGINAS DE INTIMIDADE
O dom de nós mesmas
Conselhos à jovem Mônica
Conselhos a uma mãe.
A espiritualização do amor
Para além do instinto
Para que vibre sempre o amor
TERCEIRA PARTE
PERSPECTIVAS CRISTÃS
Direitos e deveres da esposa
Este sacramento é grande
Espiritualidade conjugal
Conclusões


__________
OBS.: Agradeço à administradora da página "A Mulher Forte" pelo envio do arquivo original deste livro que pode ser reformatado e postado aqui. Que Nossa Senhora, Modelo das Noivas e Esposas, interceda e auxilie à todas elas.

8 comentários:

Tayson Queiroz e Nara Chagas disse...

Olá! Não consigo baixar o livro pois o servidor MEGA está requisitando pagamento de plano mensal. Poderia colocar em outro servidor? Deus abençoe!

A_Católica disse...

Salve Maria, Tayson!

O download é gratuito, vc deve estar clicando em local errado, siga o passo-a-passo para não errar... eis o link...

http://alexandriacatolica.blogspot.com.br/p/passo-passo-para-efetuar-o-download.html

Saudações!

Cássia Bisinoto disse...

Boa tarde, Salve Maria!

O link não funciona, aparece o seguinte erro:
404
Oops!
Céu limpo, sem cloud.
Esta página não existe.

Se puderem redisponibilizar agradeço!
Que Nossa Senhora os abençoe grandemente.

A_Católica disse...

Salve Maria, Cássia!

O link foi retificado e, aproveito para lhe pedir que, ao efetuar qq download não deixe de nos ajudar com qq valor para que possamos manter o blog,

Deus lhe pague!

Saudações

Cássia Bisinoto disse...

Amém, muito obrigada!

Que Nossa Senhora continue os abençoando!

Salve Maria!

A_Católica disse...

Amen!

Unknown disse...

Como faço para baixar o livro?

Alexandria Católica disse...

Salve Maria!

Siga o passo-a-passo ensinado aqui:

http://alexandriacatolica.blogspot.com.br/p/passo-passo-para-efetuar-o-download.html

Saudações!

Postar um comentário

Qualquer quantia tem grande valor

http://alexandriacatolica.blogspot.com.br/2015/12/qualquer-quantia-tem-grande-valor.html

O SANTO DE AUSCHWITZ

Assim dizia São Maximiliano Kolbe:

"De muito boa vontade oferecemos leituras gratuitas a todos aqueles que não possam oferecer nada para esta obra, mesmo privando-se um pouco."

O que é ser um Benfeitor do Blog?

O que é ser um Benfeitor do Blog?
Clique na Imagem

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo