31 de janeiro de 2013

Missal de 1947


Completo
Em Latim/Português
Com o Próprio do Brasil
Edição A
D. Beda Keckeisen O.S.B.
Missal de 1947



Prefácio da V Edição

  Numerosos e instantes foram os pedidos, nesses últimos anos, para uma nova edição, em latim e português. Se não pudemos atendê-los, até aqui, por motivos alheios a nossa vontade, tanto maior satisfação temos agora em fazê-lo, entregando aos fiéis, justamente no ano em que se completa o 1o. decênio de nosso Missal Quotidiano, completo, esta 5a. edição, nas duas línguas."
   Vencidas as muitas dificuldades que se nos apesentaram, temos íntima consolação em constatar o grande interesse dos católicos brasileiros, nesses dez anos, pelas nossas edições, sentindo ao mesmo tempo que não nos enganamos em contar com as bençãos de Deus para que tão belo apostolado, que é o de ensinar a amar, a louvar e agradecer "ao Pai, pelo Filho, no Espírito Santo", o que fazemos no Santo Sacrifício. Sentimo-nos assim compensados pelos sacrifícios dispendidos, por havermos contribuído, com parcela diminuta embora, para o ressurgimento da vida espiritual dos nossos irmãos em Cristo, fazendo-os participar mais intimamente dos frutos da Santa Missa.
   De edição para edição procuramos melhorar a tradução dos textos e as notas. Como mudança de maior vulto, há, além da inclusão da Missa dos sumos Pontífices (no comum dos Santos como no Próprio), a colocação do Ordinário da Missa, que se acha agora entre o Próprio do Tempo e dos Santos, visando facilitar o manuseio do Missal. Confiantes inda uma vez nas bençãos de Deus, para esta nova edição do Missal Quotidiano, temos a certeza de que ela será proveitosa a muitas almas,para que dos mananciais do verdadeiro espírito cristão, possam haurir com abundância a VIDA. Membros do Corpo Místico do Cristo viverão essa VIDA para a vitória do Reino de Cristo e a Paz no mundo.

D. Beda Keckeisen, O.S.B.
Bahia, 28 de novembro de 1945



Obs.: Agradeço a alma generosa que enviou este arquivo ao blog. Que Nossa Senhora o abençoe muito e sempre.

30 de janeiro de 2013

A Santa Missa em Fatos e Exemplos

Pe. Luiz Chiavarino
Livro de 1922 - 85 págs


AOS CAROS LEITORES

O Maior Tesouro não pretende ser posto em confronto com muitos opúsculos belíssimos já existentes, que falam da Santa Missa. Ele só deseja ter um lugarzinho nas vossas casas, um lugarzinho nos bolsos da querida juventude, e correr nas mãos de todos os que não se podem instruir, nem ler outra coisa mais desenvolvida e melhor.
Por isso ele é muito simples, para ser bem compreendido. Tudo são fatos e exemplos para não enfadar e para ser lido mais de uma vez. Ele fala mais ao coração para melhor persuadir e atrair ao bem.
Fazei-lhe bom acolhimento, lede-o com atenção, lede-o também aos de casa, àqueles que não sabem ler; espalhai-o a mãos cheias, entre todos que conheceis, procurando assim fazer também um pouco de bem em meio a tanto mal, procurando levar um pouco de luz no meio de tão grande ignorância da religião, e dissipar todas as dúvidas, que vêm ao espírito, e os erros que todos repetem a respeito da presença real de Jesus Cristo na Santíssima Eucaristia, a respeito do Sacrifício da Santa Missa e de suas imensas vantagens para os vivos e os defuntos.
Sede felizes, e que Deus vos conceda o Paraíso.

Alba, Março de 1922.
Pe. LUIZ CHIAVARINO
Missionário Apostólico.

22 de janeiro de 2013

Peças muito piedosas para órgãos

pelo Pe. João Batista Lehmann S.V.D.
Livro de 1947 - 113 págs


Coleção de 56 peças para maiores solenidades de
Igreja, Casamentos, Primeira Comunhão e outras ocasiões,
organizada por iniciativa da Comisão Arquidiocesana de Música Sacra do Rio de Janeiro



OBS.: Agradeço ao Irmão Pedro que muito generosamente contribuiu com o blog digitalizando este arquivo e, assim sendo, muitas almas poderão ser beneficiadas com estas piedosas peças. Que Nossa Senhora o favoreça sempre.

14 de janeiro de 2013

Nas vias da meditação ...

Extraído das Obras de S. Francisco de Sales
Bispo e Príncipe de Genebra
Livro de 1904 - 208 págs

 


   "[...] O livrinho, que se edita agora , é adaptado para introduzir as almas nas vias da meditação.
   Quem se apoderar da doutrina destas meditações e praticar os exercícios que se aconselham, adquirirá um bom pecúlio que poderá ampliar com outras leituras e sobretudo com a oração mental."

ÍNDICE

Prefação
Capítulo I — Da liberdade do espírito
Capítulo II — Que coisa seja viver segundo o espírito
Capítulo III — Da devoção e amor de Deus
Capítulo IV — Qualidades que deve ter a verdadeira devoção
Capítulo V — Efeitos do amor de Deus
Capítulo VI — Do amor do próximo
Capítulo VII — Da imitação de Nosso Senhor
Capítulo VIII — Exercício sobre a imitação de Nosso Senhor
Capítulo IX — Que coisa é religião
Capítulo X — Da mortificação
Capítulo XI — Contra o juízo próprio
Capítulo XII — Das dificuldades
Capítulo XIII— Das enfermidades
Capítulo XIV — Das calúnias
Capítulo XV — Como devemos portar-nos quando nos sucedem contradicções
Capítulo XVI — Da paciência
Capítulo XVII — Das tentações
Capítulo XVIII — Dos desejos
Capítulo XIX — Da oração nas securas
Capítulo XX — Exercício de união nas securas
Capítulo XXI—Sobre a paz da alma e a humildade
Capítulo XXII — Da generosidade
Capítulo XXIII — Da tranquilidade
Capítulo XXIV — Da obediência
Capítulo XXV — Da submissão
Capítulo XXVI — Da santa simplicidade com que devemos deixar-nos dirigir
Capitulo XXVII — Da simplicidade religiosa
Capítulo XXVIII — Do modo de receber as correções
Capítulo XXIX — Tocante às aversões
Capítulo XXX — Da conversação
Capítulo XXXI — Da doçura
Capítulo XXXII — Da modéstia
Capítulo XXXIII - Exercício da própria abnegação
Capítulo XXXIV — Da perfeita deixação de nós mesmos a Deus
Capítulo XXXV — Exercício para a semana
Capítulo XXXVI — Exercício sobre a paixão de Nosso Senhor
Capítulo XXXVII— Da estimação, que se deve fazer das regras, e como se devem observar por sua espécie d’amor
Capítulo XXXVIII — Acerca das dificuldades, que se encontram na direção

8 de janeiro de 2013

Catecismo de São Pio X para crianças - com ilustrações Cada figura ilustra uma pergunta do catecismo

O Catecismo de São Pio X
explicado por meio de 190 quadros artísticos
Livro de 1955 - 199 págs


"Deixai vir a mim as criancinhas..." (Mat. 19,14)

Foram estas as palavras que Jesus disse a seus discípulos quando estes afastavam e repeliam as crianças que para Ele se dirigiam sorridentes.
Jesus é o grande amigo das crianças e gosta da sua inocência.
Por isso, durante os anos que passou na Terra, queria que elas estivessem sempre a seu lado. Ele mesmo as procurava para abraçá-las e abençoá-las.
 Desde aquele tempo têm sido inúmeros os amiguinhos de Jesus e constituem mesmo uma verdadeira legião! Sabem mostrar-Lhe que muito O amam, rezando, praticando boas obras e oferecendo-Lhe sacrifícios.
Tu também amas Jesus não é mesmo?
Mas para amá-Lo como deves, precisa conhecê-Lo. Nas aulas de catecismo já começastes a conhecer Jesus e todas as coisas lindas e santas que a Doutrina Cristã ensina. Para que essas verdades divinas fiquem impressas em teu coração ofereço-te, caro amigo, este livro, onde encontrarás belas, grandes e artísticas figuras. Repara bem nelas. Cada uma ilustra uma pergunta do catecismo. Estas perguntas, tu irás decorá-las e as maravilhosas figuras ajudar-te-ão a melhor compreender as verdades e delas nunca te esqueceres.
Garanto que a infinita beleza da religião vai encantar-te. Sentirás alegria pensando que a tua Fé não é só atualmente professada por milhões de homens, mas que já o tem sido assim através dos séculos.
Os mártires consagraram-na com seu sangue e foi ela a inspiradora dos feitos imortais de nossos antepassados.
As verdades da nossa fé são deslumbrantes e possuem o poder de atrair e convencer as almas de boa vontade.

"Jesus é o único mestre que tem as palavras de Vida eterna" ( Jo. 6, 69).



OBS.: Este livro só pode ser disponibilizado graças a generosidade do Ir. Daniel e dos  Irmãos Carmelitas da Divina Misericórdia a quem devo minhas orações e meus sinceros agradecimentos pela doação do livro, o qual pude digitalizar e divulgar aqui.
Que Nossa Senhora retribua a todos os senhores por esta caridosa contribuição tanto para minha família como para todos os que dela se aproveitarem, o que espero que sejam muitas.

6 de janeiro de 2013

São Julião Eymard, o Apóstolo da Eucaristia

Pequena Vida de Pedro-Julião Eymard
(1811-1868)
Norman B. Pelletier
Livro de 1996 - 172 págs




Pequena Vida de Pedro-Julião Eymard
No fim da primeira sessão do concílio Vaticano II, João XIII canonizou o Padre Pedro-Julião Eymard, o apóstolo da Eucaristia.

Foi em 1858 que ele fundou em Paris a Congregação do Santíssimo Sacramento, composta hoje de padres, de diáconos e de irmãos cuja vida e apostolado são baseados sobre o mistério eucarístico.

Sua vida foi uma descoberta contínua da importância do "pão da vida" que Jesus deixou a seus discípulos. Homem de fé, ele possuía unia personalidade dinâmica que nunca cessou de evoluir e de progredir.

Durante a escritura de seu livro, Norman B. Pelletier era o vigário geral da Congregação dos Padres do Santíssimo Sacramento. Por isso, ele pode ter acesso aos arquivos da casa-mãe, da qual ele já fez beneficiar os leitores da língua inglesa. Hoje, o autor é o superior geral da Congregação.

Índice
Introdução
1 - Sempre a Caminho
2 - Onde a viagem é um sonho
3 - Onde a viagem começa
4 - A viagem prossegue
5 - O termo de uma etapa
6 - Uma nova partida
7 - Viagem para o interior
8 - Uma Viagem que Termina
9 - O Termo de uma Viagem
Conclusão: Caminhando Hoje
Pensamentos escolhidos de São Pedro-Julião Eymard
Datas Importantes
Oração a São Pedro Julião Eymard



1 de janeiro de 2013

Leitura indicada no T.V.D. à Nossa Senhora Reformatado

São Luís Maria Grignion de Montfort
Livro de 1995 - 207 págs

   "Tradução para a língua portuguesa a cargo dos Missionários Monfortinos. Para esta tradução do original francês - "L'amour de la Sagesse Éternelle" - apoiamo-nos também na versão espanhol, publicada no Peru em 1988 e, ainda no mesmo livro, em língua italiana, edição também de 1988, donde, aliás, extraímos as notas."

Fonte
   “A Sabedoria eterna é doce, simples e atraente e, ao mesmo tempo, ela é brilhante, excelente e sublime. Convoca os homens para lhe ensinar o método de serem felizes: vai à procura deles, sorri-lhes, cumula-os de mil benefícios e previne-os de mil e uma maneira; chega, até mesmo, a sentar-se à soleira das suas casas, à sua espera, dando-lhes assim a prova de amizade verdadeira. Será possível ter-se coração e recusá-lo a essa doce conquistadora?”

ÍNDICE

Qualquer quantia tem grande valor

http://alexandriacatolica.blogspot.com.br/2015/12/qualquer-quantia-tem-grande-valor.html

O SANTO DE AUSCHWITZ

Assim dizia São Maximiliano Kolbe:

"De muito boa vontade oferecemos leituras gratuitas a todos aqueles que não possam oferecer nada para esta obra, mesmo privando-se um pouco."

O que é ser um Benfeitor do Blog?

O que é ser um Benfeitor do Blog?
Clique na Imagem

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo

Agradeço aos amigos virtuais pelo selo